Buscar
  • Sinantrópicos Ambiental

Polícia Ambiental encontra tatu abatido e aves silvestres em cativeiro em chácara

Um homem de 60 anos, morador de Tarabai (SP), levou multas que totalizaram R$ 2 mil.


Morador de Tarabai (SP) recebeu multas que totalizaram R$ 2 mil — Foto: Polícia Militar Ambiental


Um homem de 60 anos, morador de Tarabai (SP), levou multas que totalizaram R$ 2 mil e foram aplicadas pela Polícia Militar Ambiental nesta sexta-feira (5).

Os policiais compareceram a uma chácara e quando chegaram ao local perceberam que uma pessoa havia saído correndo para dentro da residência. Na cozinha do imóvel, os militares flagraram a pessoa tentando soltar uma ave da espécie pássaro-preto. Em vistoria no interior da casa, foram localizadas mais duas aves nativas da espécie periquito-do-encontro-amarelo, todas sendo criadas em gaiolas sem autorização do órgão ambiental competente. Ainda em fiscalização na parte externa da casa, os policiais encontraram dentro de um freezer um animal da fauna silvestre da espécie tatu-peba abatido. Diante de tudo o que foi constatado na chácara, o morador do imóvel recebeu dois autos de infrações ambientais. Um deles, no valor de R$ 1,5 mil, por manter em cativeiro aves da fauna silvestre nativa. O outro, no valor de R$ 500, por ter em depósito produto da fauna silvestre nativa. As aves serão soltas no habitat natural por apresentarem estado bravio, enquanto o tatu abatido foi destinado a uma vala sanitária. FONTE: G1

2 visualizações0 comentário